Quais são os principais tipos de máquinas agrícolas e como usá-los?

Por Equipe FieldView™

Feb 14, 2022

Diferentes equipamentos agrícolas permitem ao produtor realizar suas operações na lavoura; também podem usar ferramentas da agricultura digital, otimizando o resultado da safra

 

colheitadeira soja 2Máquina agrícola de grande porte faz a colheita da soja            Máquina agrícola de grande porte faz a colheita da soja

 

+ Sem tempo de ler o texto todo? Confira os principais destaques!

Na agricultura moderna, os equipamentos usados no campo permitiram o aumento da produtividade e da rentabilidade no campo. Mas como diferentes manejos são realizados ao longo da safra, foram desenvolvidos diferentes tipos de máquinas agrícolas.

O mais conhecido deles é o trator, que se destaca pela versatilidade, apoiando em inúmeras atividades rurais. A colheitadeira e o pulverizador também são muito usados. Estes equipamentos podem receber sensores e gerar dados e mapas enquanto realizam as operações.

Ao adquirir os tipos de máquinas agrícolas ideais para a lavoura, o produtor deve considerar fatores como cultura plantada, potência do equipamento, assistência técnica disponível, tamanho da área cultivada e compatibilidade com softwares de gestão agrícola

Boa leitura!

+++

Conhecer os principais tipos de máquinas agrícolas permite ao produtor saber como utilizá-las e em qual momento da cultura. Além disso, possibilita conhecer as suas funcionalidades e como podem operar em sintonia com outras tecnologias, como a agricultura digital.

Por conhecer os diferentes equipamentos disponíveis no mercado, ele pode otimizar o investimento nas máquinas de acordo com suas necessidades, o que pode proporcionar melhores operações no campo, beneficiando a produtividade e a rentabilidade da lavoura. 

Os diferentes tipos de máquinas agrícolas, como tratores, pulverizadores e colheitadeiras, são aliados do produtor quando bem geridos e utilizados com excelência. Isso sem contar os benefícios dos implementos agrícolas.

Pela importância que têm para a agricultura moderna, vamos conhecer aqui os tipos de máquinas agrícolas que existem? Fique com a gente e confira os diferentes equipamentos e como cada um pode contribuir com o agricultor.

 

+ LEIA: Agricultura moderna: descubra as vantagens da mecanização agrícola que reduz prejuízos

 

Quais os principais tipos de máquinas agrícolas e suas funções?

O investimento em máquinas, cada vez mais modernas e com diferentes aplicações, contribui para o crescimento da produção agrícola nacional. Mas é preciso critério ao adquirir essas máquinas, uma vez que demandam alto investimento.

É necessário buscar aquelas que atendam às demandas da fazenda. Outra dica é preferir  os equipamentos que ofereçam inovações tecnológicas. 

O produtor encontra diferentes tipos no mercado, sendo que trator, colheitadeira e pulverizador são os mais usados. Mas outras alternativas, como os implementos, são fundamentais. Conheça a seguir os principais tipos de máquinas agrícolas

 

  • Trator

O trator é a máquina agrícola mais utilizada no campo por conta da sua versatilidade. Ele pode ser utilizado para realizar trabalhos em diferentes tarefas, como aragem, descompactação do solo, transporte e reboque de cargas.

O desempenho e a funcionalidade do trator são influenciados pelas tecnologias utilizadas na sua fabricação.

O trator convencional possui uma construção mais simples, com a cabine aberta, motor localizado à frente do motorista, duas rodas grandes no eixo inferior e duas rodas dirigíveis acima do motor.

 

O trator é usado na lavoura para puxar os implementos agrícolas

O trator é usado na lavoura para puxar os implementos agrícolas

 

O trator moderno conta ainda com funcionalidades que aumentam sua precisão e a segurança do operador. Para isso, possui cabine fechada, sistema hidráulico, GPS, que permite sua integração com ferramentas da Agricultura de Precisão etc.

Vale lembrar que o trator é a principal máquina agrícola utilizada para a conexão de implementos, como arados e grades, o que aumenta sua funcionalidade na fazenda. 

Além disso, esse equipamento pode ser encontrado em diferentes versões, tamanhos, com motores distintos e tecnologias variadas. Uma de suas características é que alguns possuem pneus, outros se movimentam sobre esteiras.

Com tamanha diversidade disponível, o agricultor precisa ter cuidado para escolher o modelo que atenda às suas necessidades e que seja compatível às atividades que pretende realizar na fazenda.

+ CONFIRA: Maquinário agrícola: como gerenciar com o auxílio da tecnologia

 

  • Plantadeira automatizada

Durante o plantio da lavoura, um implemento agrícola é o equipamento mais utilizado para depositar as sementes no solo: as plantadeiras (semeadeiras), que precisam ser conectadas a um outro veículo (normalmente um trator) para realizarem a operação.

No entanto, com a evolução da agricultura 4.0, as plantadeiras motorizadas começam a ganhar mercado, dispensando uma tração externa para executar o plantio. 

 

Plantadeira conectada a um trator realiza o plantio da lavoura

Plantadeira conectada a um trator realiza o plantio da lavoura

 

Semeadeiras normalmente plantam sementes miúdas, como aveia e trigo, enquanto plantadeiras lidam com sementes um pouco maiores, como feijão, soja e milho. 

Também existem tipos de máquinas automatizadas de plantio que seguem outro conceito. É o caso das plantadoras de cana-de-açúcar, que depositam toletes no sulco, ao invés de sementes.

O equipamento pode ser conectado a softwares de agricultura digital, que permitem que a operação seja toda mapeada, possibilitando, por exemplo, acompanhar a velocidade da máquina e gerar Mapas de Plantio e de População de Sementes.

Alguns agricultores já começam a usar plantadeiras automatizadas com piloto automático, não precisando de uma pessoa na cabine da máquina para conduzir a operação. 

 

+ SAIBA MAIS: Economia no plantio: produtor poupa R$20,59/ha ao identificar o “embuchamento” da máquina

 

  • Pulverizador (autopropelido)

Foi desenvolvido para permitir a aplicação de defensivos agrícolas na lavoura, como inseticidas, herbicidas e fungicidas. Seu objetivo é aplicar produtos que protejam a cultura da infestação de pragas, plantas daninhas e doenças.

Os pulverizadores autopropelidos (equipamentos com motor e transmissão próprios, geralmente pilotados por um operador) são grandes máquinas que podem ser dotadas de alta tecnologia, como sensores, rastreadores e sistemas eletrônicos.

Estas ferramentas tecnológicas podem ser conectadas a softwares de gestão, como plataformas de agricultura digital. Assim, o agricultor consegue monitorar detalhadamente a aplicação.

Desta forma, é possível mapear a aplicação de defensivos, além de acompanhar a operação em tempo real, registrando fatores importantes para pulverização, como vazão e velocidade do equipamento. Se necessário, é possível parar o pulverizador para fazer ajustes.

+ LEIA TAMBÉM: Plataformas de agricultura digital

 

Máquina agrícola faz a colheita da cana-de-açúcar

Máquina agrícola faz a colheita da cana-de-açúcar: estrutura deste equipamento tem lógica diferente de outras colheitadeiras, como de grãos

 

  • Colheitadeira

A colheitadeira é um dos tipos de máquinas agrícolas que mais têm evoluído na agricultura moderna. Como o próprio nome indica, esse equipamento é usado durante a fase da colheita da lavoura.

Ela surgiu com o objetivo de tornar o processo mais rápido e preciso. Sem essa máquina, o agricultor ainda seria dependente da colheita manual, que é mais demorada e exige muita mão de obra.

Na colheita de soja e milho, a colheitadeira pode debulhar e limpar os grãos, entre outras funções. Mas existem outros tipos de máquinas de colheita da lavoura, o que varia de acordo com a cultura, que pode ser trigo, algodão, cana-de-açúcar, café etc.

 

+ VEJA AINDA: Agricultura moderna: como a evolução das colheitadeiras potencializou a produção agrícola

 

Na colheitadeira também podem ser instaladas diferentes ferramentas da tecnologia digital, que permitem ao agricultor acompanhar de perto a operação e coletar dados para a análise do produtor, o apoiando na tomada de decisões.

Uma alternativa eficiente para fazer o mapeamento da colheita é o FieldViewTM Drive. Ele gera dados que podem ser acompanhados em tempo real, como a umidade da operação e a velocidade do equipamento. 

Desta forma, o produtor pode, ao final da colheita, gerar um Mapa de Produtividade, que permitirá visualizar a produção em cada região do talhão. 

 

Nova call to action

 

+ LEIA MAIS: Agricultura de precisão e maquinário agrícola avançam rápido

 

Como escolher uma máquina agrícola?

A escolha dos tipos e funcionalidades de máquinas agrícolas e implementos mais adequados para a sua fazenda depende de diversos fatores, como:

  • Identificar quais máquinas podem ajudar a resolver algum problema ou otimizar a produção
  • Verificar qual a colheitadeira mais adequada para a cultura implementada e para o tamanho da área plantada;
  • Avaliar a potência do equipamento, as características do motor, o consumo de combustível e até as condições da cabine;
  • Calcular o custo-benefício, a assistência técnica disponibilizada pela fabricante e a confiabilidade da marca. É que, quanto mais avançada e moderna for a máquina, mais elevado tende a ser o preço do equipamento;
  • Verificar se a máquina e o implemento agrícola são compatíveis com um software de gestão agrícola, como o Climate FieldViewTM.

Isso é importante porque, independente do tipo de máquina agrícola utilizada, as tecnologias digitais coletam dados durante as operações e geram mapas e relatórios, permitindo que o produtor tome decisões mais assertivas durante e após as operações. 

 

+ Acompanhe mais sobre este assunto nos artigos:

 

Quer ficar por dentro do que a agricultura digital pode fazer por você?

Nova call to action

Compartilhar:
Curtiu nosso conteúdo?