Economia no plantio: produtor poupa R$20,59/ha ao identificar o “embuchamento” da máquina

Por Equipe FieldView™

Aug 06, 2021

A agricultura digital apoiou na detecção do problema, possibilitando o ajuste do equipamento; melhor para a vida útil da plantadeira e para o bolso do produtor

plantio de grãos reduzA qualidade das operações agrícolas, como plantio, pulverização e colheita, exige uma boa gestão do maquinário

 

O bom gerenciamento das máquinas agrícolas possibilita ao produtor otimizar os resultados operacionais da safra, evitando desperdícios e aumentando a rentabilidade, além de prolongar a vida útil dos equipamentos.

Gerir com excelência a frota de máquinas da fazenda ganhou em simplicidade e eficiência na agricultura moderna, com o surgimento de diferentes ferramentas digitais que podem auxiliar a maximizar o desempenho e a gestão do maquinário.

Utilizar a agricultura digital no gerenciamento dos equipamentos não apenas é viável, como também pode trazer benefícios para o bolso do produtor. 

Para exemplificar, trouxemos neste post a história de um agricultor de Goiás que usou destas ferramentas para identificar o embuchamento da plantadeira durante o plantio e o quanto isso representou para a rentabilidade da safra.

 

+ LEIA MAIS: Maquinário agrícola: como gerenciar com o auxílio da tecnologia

 

O operador precisa tomar providências para minimizar o embuchamento da plantadeira, uma vez que prejudica a qualidade da operação

 

Embuchamento da máquina: problema comum durante o plantio de soja

No plantio da lavoura de soja, o produtor tem que estar sempre atento à ocorrência do embuchamento da plantadeira, que é a paralisação do fluxo normal dentro da máquina. 

Comum durante as operações, esse problema pode comprometer a qualidade do plantio e afetar o funcionamento ideal do equipamento, estando geralmente relacionado à regulagem incorreta da plantadeira ou mesmo às condições da lavoura. 

Ocorre, por exemplo, no Plantio Direto. É que a máquina, na abertura do sulco para a colocação da semente, deve cortar a palha que está sobre o solo. Muitas vezes, essa palha, misturada ao solo, provoca o embuchamento, prejudicando o rendimento operacional.

Quando isso ocorre, é necessário parar a máquina para verificar o que está causando o embuchamento e, assim, tomar as devidas providências. 

 

+ ASSISTA O EP. 35 DO FIELDVIEW™ TV: Plantio de soja

 

Como identificar o embuchamento no plantio com o apoio da agricultura digital?

Durante o plantio, o produtor pode identificar o embuchamento com o auxílio de ferramentas digitais, como o Mapa de População gerado pela FieldViewTM , da Bayer.

É o que fez o produtor de soja Fernando Santos, de Rio Verde, Goiás. Cliente do FieldView™ há um bom tempo, ele economizou mais de R$20,00/ha por utilizar algumas funcionalidades que o auxiliaram a identificar o embuchamento da máquina.

O Mapa de População, por exemplo, é gerado pelo dispositivo FieldViewTM Drive durante a própria operação de plantio, apresentando ao produtor informações como a quantidade de sementes que é alocada em cada linha do talhão.

 

Nova call to action

 

 

Voltando ao caso do produtor, ao analisar o Mapa de População de um de seus talhões, de dentro da própria cabine, percebeu uma grande ocorrência de embuchamentos. 

Isso foi perceptível para ele pela existência de vários pontos falhos no mapa, que indicam que a plantadeira depositou menor quantidade de sementes na linha em relação ao recomendado.

Dessa forma, parou o plantio para corrigir a rota, reduzindo a pressão do disco de plantio. Acertou em cheio na decisão! 

Após a correção, o Mapa de População mostrou uma melhora significativa na eficiência e na qualidade do plantio. Se antes do ajuste a operação teve aproximadamente 245 paradas da plantadeira, depois esse número caiu para 30 paradas. 

 

Mapa Embuchamento

Cada ponto vermelho, apresentado no Mapa de População do FieldView™, indica um ponto do talhão onde a máquina embuchou durante o plantio

 

Produtor economiza dinheiro ao detectar o embuchamento com a agricultura digital

O menor número de paradas devido à resolução do problema de embuchamento resultou em benefício financeiro ao produtor de Rio Verde. 

Pensando na gestão operacional, se considerarmos um tempo de parada de 90 segundos, em média, e multiplicarmos pelo número de paradas inicial da máquina, verificamos que a plantadeira ficou parada por cerca de 6 horas devido ao embuchamento. 

Levando em conta um custo médio do conjunto (trator + plantadeira) de R$ 350,00/hora, temos um custo operacional adicional de R$ 2.100,00. 

Se dividirmos este valor pelo número de hectares onde ocorreram as paradas (102 ha), obtemos um valor de R$20,59/ha - patamar médio que o agricultor deixou de perder no restante deste talhão somente por diminuir a pressão do disco.

 

Parar a plantadeira assim que o embuchamento é detectado permite resolver o que está causando o problema, retomando rapidamente a eficiência da operação

 

Melhorar a gestão do maquinário traz benefícios ao produtor

Ao minimizar a ocorrência do embuchamento, como fez o produtor Fernando Santos, de Rio Verde, é possível obter outros ganhos, como:

  • Menor desgaste e, consequentemente, prolongou a vida útil do equipamento;
  • Menos trocas do disco;
  • Plantio de melhor qualidade, uma vez que se tem populações de sementes dentro do recomendado.

No entanto, além do plantio, a agricultura digital também auxilia o produtor no gerenciamento de suas máquinas em outros momentos da safra, como pulverização e colheita.

Aperfeiçoar o gerenciamento do maquinário permite melhorar a qualidade das operações realizadas em diferentes momentos da lavoura, como plantio, adubação, irrigação, pulverização e colheita. 

A gestão adequada do maquinário otimiza a qualidade dessas operações, resultando para o produtor em inúmeros benefícios, como:

  • Controle do consumo de combustível nas atividades;
  • Acompanhamento do estoque e dos custos;
  • Registro da data das operações, da quantidade e da frequência dos abastecimentos;
  • Acesso simplificado ao histórico de problemas mecânicos. 

Não importa o tamanho da frota agrícola, a aplicação de métodos eficientes de gestão protege o patrimônio, diminui os custos e resulta em processos mais assertivos de manutenção dos equipamentos. 

E os resultados são ainda melhores quando se utiliza a agricultura digital. Diferentes plataformas disponíveis no mercado podem apoiar o produtor na gestão de suas máquinas, proporcionando maior simplicidade, agilidade e eficiência.  

 

+ SAIBA MAIS: Gestão agrícola: Veja como é possível  lucrar ainda mais com sua lavoura

 

Quer ficar por dentro do que a agricultura digital pode fazer por você?

Nova call to action

Compartilhar:
 
Curtiu nosso conteúdo?