Tecnologia na lavoura: como usar softwares para identificar e corrigir falhas no plantio

Por Equipe FieldView™

Jan 14, 2022

Com a agricultura digital, o produtor pode mapear a operação e fazer ajustes de falhas em tempo real, assegurando um bom desenvolvimento inicial da lavoura

 

Germinação de uma planta de soja

Germinação de uma planta de soja: produtor pode utilizar tecnologias digitais para identificar falhas durante a operação de plantio da cultura

  

+ Sem tempo de ler o texto todo? Confira os principais destaques!

O sucesso da safra está diretamente ligado ao resultado do plantio e do estabelecimento da cultura. Mas diferentes fatores, como problemas operacionais, podem provocar falhas na formação da lavoura.

Um modo prático e eficiente de detectar essas falhas é o uso da agricultura digital, por meio de software para falhas de plantio. O agricultor pode utilizar dispositivos que realizam o mapeamento digital, gerando mapas que permitem avaliar a qualidade da operação, como Mapas de População e Velocidade.

Caso alguma falha seja identificada, o operador pode interromper o plantio e fazer os ajustes necessários na máquina. 

Assim, por exemplo, o software assegura que seja depositada na linha de plantio a quantidade de sementes adequada e que se realize a operação na velocidade ideal

Boa leitura!

 +++

 

Na gestão da lavoura, o agricultor pode utilizar softwares de agricultura digital para analisar com eficiência diferentes problemas ao longo da safra, inclusive em uma das principais operações para qualquer cultura: o plantio.  

Para isso, ele pode usar, por exemplo, dispositivos que identificam falhas em tempo real durante a operação, permitindo que rapidamente qualquer erro seja corrigido. Assim, o produtor tem acesso a dados precisos, que vão ajudá-lo a tomar decisões focadas na produtividade da lavoura.

Com o uso de software para falhas de plantio, o agricultor pode, de modo mais prático e eficiente, assegurar a qualidade da operação e o melhor desenvolvimento da lavoura. Fique com a gente e entenda como essa tecnologia digital pode apoiá-lo a conseguir um estande inicial perfeito!

 

As falhas reduzem o potencial produtivo da lavoura

Máquina realiza o plantio de soja

Máquina realiza o plantio de soja: operação pode ser acompanhada em tempo real por softwares de agricultura digital

Ao longo da safra, o momento do plantio é crucial para qualquer cultura, sendo base para o seu desenvolvimento. Uma operação bem-feita e manejos adequados são determinantes para a produtividade da cultura e a rentabilidade do produtor.

Mas nem sempre tudo dá certo! Inúmeros problemas podem afetar o estabelecimento da cultura em diferentes pontos da área plantada, como deficiência nutricional; ocorrência de pragas, daninhas e doenças; e compactação do solo.

O maquinário que realiza o plantio também pode apresentar problemas durante a operação, ocasionando falhas que colocarão em risco a produtividade do talhão. 

A plantadeira é composta por vários itens. Se um deles quebrar, ou mesmo se a máquina não estiver bem calibrada ou se realizar a operação em uma velocidade inadequada, a qualidade do plantio estará comprometida.

Para a soja, por exemplo, o plantio é uma operação chave porque é neste momento que praticamente se garante a quantidade de plantas por hectare (população). Ao final da safra, isto pode influenciar na definição do número de vagens e de grãos em cada talhão. 

E qualquer deslize no plantio pode custar caro! Somente na cultura de cana-de-açúcar, as falhas na linha de plantio têm potencial de desperdício de aproximadamente R$ 1,7 bilhão por ano em âmbito nacional.

Para evitar prejuízos desta magnitude, é fundamental que o agricultor invista em ferramentas que auxiliem a identificar estes problemas, como um software para falhas de plantio.

 

Plantadeira abre os sulcos para a semeadura da soja

Plantadeira abre os sulcos para a semeadura da soja: agricultura digital permite identificar falhas na operação como embuchamento da máquina ou profundidade de plantio inadequada

 

O que é um software para falhas de plantio?

Softwares que identificam falhas de plantio são ferramentas da agricultura digital que podem gerar desde imagens de satélite e mapas, até realizar o mapeamento digital das operações com maquinários agrícolas, como plantadeiras. 

Isto é possível graças a algoritmos e sensores que coletam, processam e transformam dados em mapas e relatórios sobre cada talhão.

A partir destas imagens e mapas, o agricultor tem condições de analisar desde a população de sementes depositada no campo, até verificar se o crescimento da cultura em cada talhão está como o esperado, podendo inclusive identificar a existência de falhas não vistas a olho nu.

Portanto, os softwares que identificam falhas de plantio:

1)  Fazem o mapeamento da operação de plantio em si, coletando, processando e gerando mapas de plantio, de população de sementes, de janela de plantio, de velocidade do maquinário etc;

2)  Acompanham o desenvolvimento inicial da biomassa por meio de imagens de satélite, auxiliando o produtor na detecção de diferentes problemas que possam estar prejudicando a fase inicial de arranque da lavoura.

Em geral, software para falhas de plantio funciona em sincronia com outras funcionalidades da agricultura digital, fornecendo mapas que também ajudam, por exemplo, a detectar infestações por pragas e doenças, compactação do solo, fertilidade, entre outros problemas.

Além disso, esse tipo de ferramenta digital pode auxiliar o agricultor na realização de testes, na aplicação de fertilizantes e defensivos agrícolas e na análise da produtividade 

Por oferecer um leque de aplicações tão grande, esse tipo de programa é mais conhecido como software de gestão agrícola.

 

Operador interrompe a operação de plantio para fazer ajustes no equipamento

Operador interrompe a operação de plantio para fazer ajustes no equipamento

 

A agricultura digital corrige falhas durante a própria operação de plantio

Com a agricultura digital, o produtor tem uma oportunidade valiosa para corrigir falhas durante a própria operação de plantio, uma vez que permite tomar medidas com rapidez e precisão, não sendo necessário esperar o estande se formar para detectar quaisquer desuniformidades na formação dos talhões.

O mercado oferece ao agricultor alguns softwares de gestão agrícola que auxiliam nesta identificação. Alguns deles utilizam dispositivos que fazem a coleta de informações agronômicas geradas pelos maquinários.

Isto porque esses softwares geram mapas e relatórios em tempo real, disponibilizando diferentes dados, como Mapa de População e Mapa de Velocidade, que podem ser acompanhados da cabine ou remotamente. 

Com estes mapas e relatórios, o agricultor tem subsídio para tomar decisões no momento da operação, podendo tanto estar in loco ou no escritório da fazenda, corrigindo eventuais problemas rapidamente e garantindo a formação de um estande ideal.

 

Mapa  de População do FieldView™ Drive

Mapa  de População do FieldView™ Drive mostra a ocorrência de embuchamentos durante a operação: cada ponto vermelho indica um ponto do talhão onde a máquina embuchou ao longo do plantio

 

Software faz o mapeamento do plantio e permite visualizar em detalhes a operação

Para o produtor garantir a qualidade do plantio da área, deve utilizar software para falhas de plantio que permitam acompanhar minuciosamente a operação e realizar correções, quando necessárias.

O agricultor tem esses benefícios, por exemplo, ao utilizar a Climate FieldViewTM, que é a plataforma de agricultura digital da Bayer. Ao usar o Plano Plus desta plataforma, é possível fazer o mapeamento das operações de plantio utilizando o dispositivo FieldViewTM Drive.

E muitos são as possibilidades que o Drive oferece durante a operação, como:

  • Acompanhar, em tempo real, se a população de sementes depositada na linha de plantio está no patamar recomendado;
  •  Adequar a semeadura durante a própria operação, se necessário;
  • Analisar o Mapa de População ao final de cada dia de plantio, permitindo fazer ajustes;
  • Acompanhar em tempo real se a operação está sendo realizada na velocidade adequada e fazer a devida correção;
  • Identificar diferentes problemas que podem ocorrer ao longo do plantio acarretando falhas, como desajuste na regulagem da máquina e no disco de corte, embuchamento do equipamento, existência de algum obstáculo no trajeto do maquinário etc.

 

Nova call to action

 

O disco de corte da plantadeira, por exemplo, precisa cortar a palhada com eficiência. Se houver algum problema, o disco deixa de cortar a palha e o solo da melhor maneira, acarretando o embuchamento. Isso causa falhas na semeadura da linha de plantio, o que pode ser identificado pelo FieldViewTM Drive durante o mapeamento da operação. 

Ao mostrar pela tela do iPad que existe uma variação na operação, o Drive permite que estes dados que foram coletados sejam analisados pelo agricultor. Se necessário, o plantio pode ser interrompido para que o problema seja verificado e corrigido.

Outro fator importante para o estabelecimento da lavoura e que pode ser acompanhado pela tecnologia digital é a profundidade de plantio.

Para isso, existem softwares que conseguem acompanhar a pressão realizada para a abertura do sulco, se o equipamento está depositando a semente na profundidade correta, se existe duplicidade na linha de plantio ou se estão ocorrendo falhas na colocação da semente.

 

Imagens de satélite identificam falhas de plantio

Depois que o plantio da área foi realizado e as plantas começaram a emergir, o produtor também pode usar imagens de satélite para conferir se existem falhas na área.

Isso é possível utilizando imagens de NVDI (Índice de Vegetação por Diferença Normalizada), que são geradas por sensores instalados em diferentes equipamentos, como drones e satélites, permitindo mapear a lavoura a fim de se avaliar o desenvolvimento vegetativo da área.

 

+ SAIBA MAIS: Monitoramento de fazenda via satélite como ferramenta digital no mapeamento da biomassa

 

Um dos softwares que utilizam o NDVI para fazer o monitoramento da lavoura é o Diagnóstico FieldViewTM. Além disso, essa funcionalidade também aplica um algoritmo próprio para transformar imagens de satélite em mapas de alta precisão de cada talhão.

O Diagnóstico FieldViewTM também permite comparar mapas atuais da lavoura com imagens históricas da mesma área, permitindo analisar se falhas verificadas em uma área são recorrentes. Para facilitar a interpretação desses dados, o software produz mapas comparativos e de sobreposição.

A partir destas imagens, o produtor ganha maior poder de monitoramento da lavoura e, caso detecte falhas na área, tem condições de tomar decisões com grande assertividade, como adotar alguma ação de manejo ou fazer o replantio de uma região do talhão.

  

+ Acompanhe mais sobre este assunto nos artigos:

 

Quer ficar por dentro do que a agricultura digital pode fazer por você?

Nova call to action

Compartilhar:
Curtiu nosso conteúdo?