90 sacas/ha: soja produz mais após manejo assertivo de nematoides

Por Equipe FieldView™

Aug 12, 2021

Conheça o caso de Cristian Braun, produtor do Mato Grosso que utilizou ferramentas digitais para mensurar o tamanho da área infestada por nematoides e para tomar a decisão mais certeira de manejo.

 

agricultor analisa safra da soja

Safra de soja sofre com infestação de nematoides

Um dos maiores desafios da lavoura são os temidos nematoides. De acordo com estudo feito pela EMBRAPA em 2014, a perda de produtividade na soja causada por esses organismos pode chegar a 21% em potencial

Mas, com um controle certeiro, a possibilidade de assegurar um bom potencial produtivo é alta. 

Neste post, te contamos a História de Sucesso de Cristian Braun, produtor de Primavera do Leste - MT, que teve seu talhão infestado por nematoides e percebeu que os dados da agricultura digital foram fundamentais para uma tomada de decisão assertiva. 

 

+ LEIA: Como controlar nematoides na soja?

 

Produtor mensura resultado de testes em manejo de nematoides com auxílio da agricultura digital

 

nematoide pode reduzir até 21% de produtividade da soja

Nematoide pode reduzir até 21% da produtividade da soja, segundo Embrapa.

 

Uma das áreas do Cristian vinha sofrendo perdas consideráveis de produtividade por conta da presença de nematóides do lado esquerdo de um de seus talhões.

Apesar de ter consciência da infestação, Cristian não conseguia determinar exatamente o tamanho, a área onde isso acontecia e tampouco mensurar com precisão o impacto em seu resultado. 

Para tentar minimizar a perda de produtividade, na safra seguinte (soja), ele tomou a decisão de fazer o plantio utilizando taxa variável e de fazer a mensuração dessa decisão com o uso da agricultura digital. 

Como pode ser observado no mapa abaixo, ele posicionou mais sementes na parte do talhão onde ele acreditava estar a infestação:

 

 

Mapa de população mostrando qual foi a população de sementes depositadas naquela área. Em verde, vemos a área em que foi depositada mais sementes. Na parte vermelha no mapa, a área em que o produtor depositou menos sementes. 

 

Ao fazer o mapeamento do tanto do plantio quanto da colheita por meio do dispositivo FieldView™ Drive, Cristian passou a ter dados importantes em mãos, além de poderosas ferramentas de análise que o fizeram perceber que sua estratégia de jogar mais sementes na área com nematoide não não trouxe os resultados esperados: 

 

  • Além de consumir mais insumos, a parte afetada do talhão teve uma produtividade média de 36 sacas/ha aproximadamente. Em comparação a área verde do mapa, que teve produtividade de 75 sacas/ha, a diferença foi em torno de 39 sacas/ha

 

Resultado de produtividade média da área vermelha e verde do mapa. 

 

Com as informações geradas pelo FieldView™ em mãos, Cristian consultou o mapa de produtividade para mensurar com exatidão a área infestada por nematóides. Utilizando a ferramenta de Sub-talhão, ele constatou que a área afetada ocupava cerca de 20 hectares, ou seja, 21% da área de seu talhão

 

Mapa de produtividade da soja comprova região do talhão infestada de nematóides.

 

Com dados de ferramenta digital, produtor verifica o manejo assertivo de nematóides 

post nematoide usecase3

Safra de soja rende quase 90 sacas após manejo de crotalária

 

Pautado em dados e com base nas informações concretas obtidas pelos mapas do FieldView™, Cristian tomou uma nova decisão: fazer um manejo diferenciado e mais assertivo na safrinha que vinha na sequência!

Ao invés do milho de segunda safra, optou por plantar apenas crotalária exatamente na área com nematóides. 

Ele sabia que era uma decisão arriscada, já que deixaria de plantar milho safrinha naqueles 20 hectares do talhão, mas sabendo, através do FieldView™, que a região não traria uma boa colheita, decidiu manejar a área. 

 

Mapa de plantio de milho safrinha e manejo de crotalária

 

A safrinha se desenvolveu, foi colhida e, na sequência, outra safra de soja verão foi plantada. Tendo feito o mapeamento de todas as operações desse talhão com o FieldView™ e acompanhamento essa área mais de perto, Cristian constatou que a tomada de decisão foi assertiva. 

Chegou a hora da verdade! Verificando o mapa de colheita, a mancha vermelha do talhão, que era a região com nematoides, foi eliminada e inclusive produziu mais do que a região não afetada!

 

Mapa de colheita comparando talhão entre primeira e segunda safra mostra o desaparecimento da mancha causada por nematóides.

 

O produtor afirmou que na safra seguinte, "a parte com crotalária foi a que mais produziu soja, por incrível que pareça. Em algumas áreas, chegou a quase 90 sacas". 

"Então, não foi prejuízo nenhum não ter plantado (milho safrinha) naquela parte do talhão. Na verdade, foi um lucro muito grande, porque, além de corrigir o solo, a safra do ano seguinte pagou a diferença e ainda sobrou muito dinheiro", conta Cristian.   

Pensando em produtividade, podemos fazer um cálculo simples: 

 

  • Área livre de nematóides:
  • Área do talhão = 40 ha
  • Produtividade média = 83 sacas/ha
  • Valor da saca de soja = R$148

 

Resultado da área = 40 ha x 83scs x R$148,00 = R$ 491.360,00

 

  • Área com nematóides:
  • Área do talhão = 20 ha
  • Produtividade média = 33 sacas/ha
  • Valor da saca de soja = R$148

 

Resultado da área = 20 ha x 33scs x R$148,00 = R$ 97.680,00

 

  • Diferença entre áreas: 83 scs/ha - 33 scs/ha = 50 scs/ha
  • 20 ha x 50 scs/ha = 1.000 sacas

 

Por esses números, podemos concluir que a presença do nematóide nessa parte do talhão estava trazendo um prejuízo de ~1.000 sacas. Considerando a saca de soja a R$148, o prejuízo dessa área foi de R$148.000,00!

Comparar dados assertivos de safras anteriores é fundamental para tomar melhores decisões e é nisso que a agricultura digital pode auxiliar. A gestão da sua fazenda fica ainda mais fácil!

Nova call to action

Gostou de saber um pouco mais sobre como o FieldView™ te auxilia a tomar melhores decisões? Nossos produtores parceiros seguem alcançando safras ainda mais produtivas utilizando a agricultura digital. Esta é uma das nossas histórias, mas você pode conhecer mais na websérie Histórias de Sucesso.

Compartilhar:
Curtiu nosso conteúdo?